sexta-feira, 12 de novembro de 2021

FAMÍLIAS BELO-JARDINENSES RECEBEM CASAS DO RESIDENCIAL VILA BELA 1





Em uma tarde histórica, a Prefeitura de Belo Jardim, por meio da Secretaria de Assistência Social, o Ministério do Desenvolvimento Regional, a Caixa Econômica Federal (CEF) e a J3 Incorporação entregaram, nesta quinta-feira (11), 300 casas do Residencial Vila Bela I, localizado às margens da BR 232.

A entrega consolida a realização do sonho de 300 belo-jardinenses que agora possuem uma casa própria em um bairro com toda a infraestrutura necessária para os residentes, com área de lazer e de convivência, quadra esportiva, saneamento, calçamento e tratamento de esgoto. “Nasce hoje uma realidade.A nossa palavra é de gratidão e de dever cumprido. Sejam felizes”, desejou o padre Geraldo de Magela, secretário de Assistência Social, aos novos moradores.

Compostas por dois quartos, banheiro, sala e cozinha, as unidades habitacionais vão beneficiar mais de mil pessoas. “Chega de pagar aluguel, está aí o empreendimento, está aí a obra, o sonho que se tornou realidade. Vamos continuar trabalhando para que mais belo-jardinenses sejam contemplados com novas moradias”, disse o prefeito de Belo Jardim, Gilvandro Estrela.






Os imóveis do Residencial Vila Bela I são fruto do programa do Governo Federal “Casa Verde e Amarela” (o antigo Minha Casa, Minha Vida) e não tinha previsão de entrega. O processo foi destravado após iniciativa da atual gestão e do ex ministro Mendonça Filho, com articulações feitas em Brasília, em junho.

Vila Bela I - A construção das unidades habitacionais iniciou em novembro de 2017 e finalizou em maio de 2019. Ao todo, o empreendimento custou cerca de R$ 21 milhões e foi autorizado e garantido ainda no governo de Michel Temer, quando Bruno Araújo era Ministro das Cidades e Mendonça Filho ministro da Educação.