sábado, 7 de maio de 2022

SECRETARIA DE SAÚDE DE CARUARU ALERTA SOBRE BAIXA PROCURA PELA VACINA DA GRIPE




Desde o Dia D de Influenza, realizado no último dia 30 de abril, o município de Caruaru iniciou a segunda etapa para aplicação do imunizante, que passou a contemplar as crianças de 6 meses até 4 anos, 11 meses e 29 dias; gestantes e puérperas; povos indígenas; professores; pessoas com comorbidades; pessoas com deficiência permanente; membros de forças de segurança e salvamento e das forças armadas; caminhoneiros e trabalhadores de transporte coletivo rodoviário de passageiros urbano e de longo curso; trabalhadores portuários; funcionários do sistema prisional; adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medida socioeducativa e pessoas privadas de liberdade, além dos trabalhadores da Saúde e dos idosos, já contemplados na primeira etapa.

Na ocasião, foram aplicadas 6.257 doses da vacina contra a influenza e 1.688 contra o sarampo. A vacina contra o sarampo está sendo destinada, durante a campanha, aos trabalhadores da saúde e as crianças, como recomenda o Ministério da Saúde(MS).
Até o momento, o município atingiu 26% do público-alvo.

Apesar do saldo positivo do Dia D e da antecipação da vacinação da segunda etapa da vacina, o número ainda é muito baixo, uma vez que a recomendação do MS é de vacinar 90% do grupo prioritário.




“Com a pandemia da Covid-19, muitas pessoas negligenciaram a proteção contra doenças imunoprevisíveis, como a gripe e o sarampo. Todas as vacinas de rotina se encontram com baixa procura e abaixo da meta preconizada”, contou Tatiane Lino, coordenadora do PNI.

Tatiane falou ainda sobre a importância da vacinação para proteção das pessoas que correm maior risco de óbito pela influenza. “Os idosos representam o grupo de maior risco para formas graves e óbitos. É importante se vacinar anualmente porque, a cada ano, nós temos uma nova vacina com as variantes mais prevalentes em circulação, como ocorreu recentemente com a H3N2. Não podemos alimentar essa falsa sensação de proteção, porque nos vacinamos em anos anteriores”, explicou a coordenadora.

As vacinas estão disponíveis nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) de Caruaru tanto na zona urbana, quanto na zona rural. O horário de funcionamento das unidades da zona urbana é das 8h às 16h. Já na zona rural, das 8h às 15h.

Fotos: Elvis Edson

Programação do São João de Caruaru 2022