quarta-feira, 2 de março de 2022

PRF DIVULGA BALANÇO PARCIAL DA OPERAÇÃO CARNAVAL 2022

Mais de 2.000 testes de alcoolemia realizados, 22 pessoas detidas e 7 veículos recuperados




A Polícia Rodoviária Federal (PRF) intensificou as fiscalizações no trânsito e as ações de combate ao crime entre a sexta-feira (25) e a quarta-feira (2), durante a Operação Carnaval 2022.

Dados parciais coletados até esta terça-feira (1) registram 36 acidentes, com 27 feridos e seis mortes, nas rodovias federais de Pernambuco. A falta de atenção foi uma das causas mais percebidas como motivo dos acidentes mais graves.

Os acidentes com morte ocorreram nas BRs 101, 104, e 428. Dois acidentes foram do tipo atropelamento na BR 101, um em Paulista e o outro no Cabo de Santo Agostinho, ocorridos nos dias 26 e 27 de fevereiro. Uma colisão traseira vitimou dois ocupantes de uma motocicleta na BR 104, km 17 em Taquaritinga do Norte, no dia 26/02. Na BR 104, em Panelas, um motorista de caminhão perdeu o controle do veículo e capotou em uma ribanceira. Ele ficou preso nas ferragens e faleceu no dia 25/02. Já do dia 27/02, um ocupante de uma motocicleta caiu e foi a óbito em Santa Maria da Boa Vista, município próximo a Petrolina. A operação segue até a meia-noite da quarta-feira.




As ações tiveram um forte incremento no combate ao excesso de álcool ao volante. Em cinco dias de operação, foram realizados mais de 2 mil testes de alcoolemia, sendo duas pessoas detidas por dirigir embriagadas. Além disso, 10 pessoas foram autuadas por se recusarem a fazer o teste e outras 52 por efetiva constatação de alcoolemia.

Nas ações de segurança pública, foram fiscalizados 6.417 veículos e 7.064 pessoas, sendo emitidos 2.809 autos de infração. Entre eles destacam-se 332 autuações por ultrapassagens em local proibido, 129 pelo não uso do cinto de segurança, 37 pela falta do capacete, 31 pela ausência da cadeirinha e 901 imagens de radar por excesso de velocidade.




Para evitar acidentes, foram recolhidos 18 animais que estavam soltos nas rodovias. Nesse período, também foram recolhidos 298 veículos irregulares e 308 Certificados de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLVs), além de 85 auxílios a usuários que estavam necessitando de ajuda na rodovia.

O combate à criminalidade contou com o apoio de grupos especializados e resultou em 22 pessoas detidas por diversos crimes, tais como tráfico de drogas, veículo adulterado, crimes de trânsito, mercadorias sem nota e porte ilegal de arma de fogo, bem como pessoas com mandado de prisão em aberto. Sete veículos ainda foram recuperados, representando mais de um por dia de operação.

Fotos: PRF