quinta-feira, 4 de março de 2021

CANTOR ERISSON PORTO LANÇA VÍDEOS COM RECURSOS DA LEI ALDIR BLANC




O cantor e compositor caruaruense Erisson Porto lançou nesta quinta-feira (4), nas plataformas audiovisuais digitais, o primeiro vídeo do show do álbum "DiVersos". O trabalho musical é inspirado nas atividades dos cantadores e em poetas da rica literatura de cordel. Para as gravações dos vídeos, foram utilizados os recursos da Lei Aldir Blanc, a partir do Edital Criação, Fruição e Difusão (LAB PE).

A canção “Estouro de Cultura”, que abre o álbum, foi a primeira a ser lançada no canal do Youtube . A cada semana, dois vídeos serão divulgados na plataforma. É o primeiro trabalho audiovisual do caruaruense gravado em estúdio de forma exclusiva para as redes sociais. “O ambiente digital tornou-se um campo muito grande para os artistas e para o público. Nesse novo cenário, o alcance da gente com as músicas aumentou, e agora com o incentivo da Lei Aldir Blanc estou levando para o público o trabalho nesse formato”, explicou Erisson Porto.

Lançado em setembro do ano passado apenas nas plataformas digitais apenas em áudio, “DiVersos” conta com dez faixas. Em “Orgulho da Nossa Terra”, há a participação de Xangai e Evanildo Quayada. A composição partiu de um cordel de Bira Barros e usa a música “A Feira de Caruaru” de forma incidental (música de cena ou de fundo a serviço de alguma outra manifestação artística). O álbum foi idealizado antes mesmo da pandemia, que acelerou o processo de divulgação do trabalho nas plataformas digitais.

“Esse é um trabalho de pesquisa em que cada faixa foi feita com muito carinho e dedicação. Com intenção de mostrar as possibilidades musicais que a poesia nos permite, bebi na fonte de grandes poetas e descobri a importância dos textos feitos em versos (rima, métrica, oração etc.). Percebi o quanto esses textos ajudam na criação de melodias e ritmos ‘DiVersos’”, destaca o artista na apresentação do álbum. “A produção insere as poesias em vários gêneros musicais, passeando do tradicional ao contemporâneo”, aponta Erisson.

A produção executiva do material é da produtora cultural Jô Barbosa. O Maestro Mozart Vieira é um dos músicos participantes do projeto.

Como acessar?
“DiVersos” pode ser ouvido gratuitamente em aplicativos como o Spotify. Quem quiser pode ter acesso também ao encarte – com as letras, ficha técnica e ainda baixar as músicas pode contribuir com incentivo artístico através do link bit.ly/2HnZhbH.

YouTube: https://bit.ly/30cstYM
Instagram: https://www.instagram.com/erissonporto/
Spotify: https://open.spotify.com/artist/4UO2oJbZfUz6B7xcB8OtBF
SoundCloud: https://soundcloud.com/erissonporto
Music Apple: https://music.apple.com/us/album/diversos/1543320835

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quem é Adriano Luiz?

Minha foto
Caruaru, PE, Brazil
Formado em jornalismo pelo Unifavip/Yduqs. Radialista desde 2004. Comunicador na Rádio Liberdade FM 94,7 em Caruaru-PE, desde 2008.